Viana Imóveis fortalece direção e aposta na retomada do setor

0

Um das imobiliárias mais tradicionais de São Caetano do Sul, a Viana Imóveis, sinaliza novos e bons tempos para o mercado de imóveis. Prova disso é que a empresa acaba de anunciar a volta de um “prata da casa”, para apoiar a fase de retomada dos negócios que de avizinha. Marcelo Frias, conhecido por Maradona, retorna à Viana Imóveis como diretor Comercial de Lançamentos, Locação e Terceiros. “As quedas de vendas e preço chegaram ao limite.

capa

Retomada: Viana Imóveis reforça equipe para apoiar 11 lançamentos ainda no primeiro semestre

Agora o mercado experimentará o início da retomada, já sinalizada por fatores conjunturais como a liderança das incorporadoras na maior alta de ações na Bolsa de Valores em janeiro; queda da taxa Selic, que voltará a um dígito até o final deste ano; redução da meta de inflação anual para 4,5% e a queda das taxas de financiamento pela Caixa Econômica Federal”, pontua Maradona. Entre as prioridades, seu trabalho inclui o fortalecimento da equipe de vendas que deve dobrar, para atender a meta de vendas de 11 lançamentos apenas no primeiro semestre deste ano, contra os cerca de seis lançamentos ao longo de 2016. “Estamos projetando vendas da ordem de R$ 600 milhões somente na primeira metade deste ano e vamos precisar de corretores engajados para aproveitar a retomada da produção do setor”, avisa o executivo.

Destaque Maradona, no entanto, pontua  algumas dificuldades como renovar a  imagem da categoria profissional. Da  mesma forma que o boom  imobiliário  atraiu profissionais de outras áreas,  interessados no ganho  fácil e rápido  que a venda de imóveis se transformou  entre os anos de  2006 a 2013, a atual  crise econômica fez os corretores de  ocasião  sumirem do mercado.  “Agora  vamos recrutar pessoas com atitudes  jovens que queiram  ingressar na  corretagem de imóvel. Para isso,  vamos  facilitar a formação de novos  corretores junto ao Creci, órgão que regula  a profissão”, diz Maradona. Segundo o executivo, estudos de mercado mostram que o consumidor não percebe valor na atividade do corretor de imóvel no processo de venda. Porém, ao desdobrar o questionamento, a pesquisa aponta que, quando bem atendido, o mesmo consumidor torna-se cliente fiel do bom corretor.
“O corretor de imóvel precisa avançar para o status de consultor que não apenas intermédia a venda, mas que presta serviço de valor percebido, trazendo informação relevante a quem compra  e a quem vende. Existem mais de 500 técnicas de vendas e hoje o uso da tecnologia digital é fundamental para acelerar venda e ampliar oportunidades de negócio. Por isso, o perfil da nossa equipe será o de pessoas com atitude jovem e com muita empatia, para entender e conquistar consumidor neste novo ambiente de negócio”, informa Maradona.

Compartilhe.

Deixe um Comentário